Justiça nega pedido de família para exumar corpo de criança

Arquivado em: Policia |

Márcia Simões Costa, titular da vara do júri de Feira de Santana, município localizado a 108 km de Salvador, indeferiu o pedido do advogado da família de Gabrielly Gomes Santana em relação a exumação do crânio da criança. Segundo o Acorda Cidade, o delegado João Rodrigo Uzzum, coordenador da 1ª Coordenadoria de Polícia do Interior (1ª Coorpin), recebeu resultado no fim da tarde de sexta-feira (7).

Ainda de acordo com o site, após comparar fotos da criança com fotos do Departamento de Polícia Técnica (DPT) a família ficou em dúvidas sobre a ossada pertencer ou não a criança. O delegado disse que o questionamento não procede e a Polícia Civil juntou todo o trabalho de perícia e todos os laudos e exame de DNA pertencentes a ossada para que não existisse dúvidas.

Uzzum salientou que o desejo da polícia também era de encontrar a criança com vida, afirmou o Acorda Cidade. As investigações foram paralisadas durante uma semana devido ao fato do pedido de exumação enviado à justiça, mas já serão retomadas.001

comments