Vem aí o DNI Digital

Arquivado em: Tecnologia |

Relógio, calculadora, máquina fotográfica, leitor de e-mail, navegador de internet e, em breve, documento de identidade. Os telefones celulares terão um lugar destaque no lançamento do Documento Nacional de Identificação (DNI), que ocorrerá na próxima segunda-feira. O aplicativo ainda vai passar por testes e levará alguns meses para que esteja disponível, mas, quando isso ocorrer, será possível concentrar vários documentos na tela do celular.
O DNI tem por base o recadastramento biométrico da justiça eleitoral, em que o cidadão deixa suas digitais nos cartórios eleitorais. Assim, por enquanto, apenas 73 milhões dos mais de 140 milhões de eleitores brasileiros estão aptos a aderir à medida. A previsão é que o recadastramento biométrico seja finalizado em 2022. Mas quem quiser usar o aplicativo no celular como documento de identidade e ainda não se recadastrou poderá se antecipar ao cronograma previsto. Além disso, o DNI no celular não será obrigatório e não invalidará os documentos de papel que existem hoje. Inicialmente, o aplicativo será usado por cerca de 2 mil servidores do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e do Ministério do Planejamento. Serão checadas falhas e feitos testes para sanar o que está errado. A expectativa é liberá-lo para o grande público até julho. As informações são do jornal O Globo. xIMG-20180202-WA0008.jpg.pagespeed.ic.N5uKZ6Mojf

comments